quinta-feira, 9 de setembro de 2010

O AUITO DA BARCA DO INFERNO

 O Anjo e o Diabo, juízes de personagens alegóricos
  
Com versos heptassílabos, em tom coloquial e com intenção marcadamente doutrinária, fundindo em algumas passagens o português, o latim e o espanhol, Gil Vicente compõe essa peça teatral em um único ato, subdividindo-a em cenas marcadas pelos diálogos que o Anjo ou o Diabo travam com os personagens em um ancoradouro, no qual estão atracadas duas barcas. No porto, todos serão julgados, e os mortos, após julgamento, serão condenados ou à barca da Glória ou à barca do Inferno.

Uma série de personagens alegóricos surge, cada um deles com traços que denunciam sua condição social. O Diabo é o condutor das almas ao Inferno, conhece muito bem cada um dos personagens que lhe cai às mãos; é zombeteiro, irônico e bom argumentador. Gil Vicente não pinta o Diabo como responsável pelos fracassos e males humanos; o Diabo é um juiz, que exibe às claras o lado mais recôndito dos personagens, penetrando nas consciências humanas e revelando o que cada um deles procura esconder. A interferência do Anjo é pequena, fazendo o Diabo a grande figura da peça. O Diabo julgará os seguintes personagens: o Fidalgo, representante da nobreza fútil; o Onzeneiro, usurário que revela seu apego às coisas mundanas, ao dinheiro; o Parvo, homem do povo, simplório, sem malícia; o Sapateiro, representante dos mestres de ofício, desonesto explorador do povo; o Frade com a amante, revelando o desprezo de Gil Vicente pelos valores corrompidos por alguns elementos do clero; Brísida Vaz, agenciadora de meretrizes, inescrupulosa, traiçoeira, cheia de ardis; o Judeu, personagem desprezado por todos os outros, é igualmente perseguido; o Corregedor e o Procurador: juiz e promotor, personagens condenados pela imoralidade, pois faziam da lei fonte de rendimentos ilícitos; o Enforcado e os Cavaleiros cruzados são os dois últimos personagens. Resta lembrar que somente os quatro Cavaleiros cruzados e o Parvo são dignos de embarcar na barca da Glória. Os demais são condenados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
joao pessoa, paraiba
Professor de matemática,física e química.Aulas do ensino fundamental ao ensino médio Atendimento de segunda (das 9hs as 21hs) a sábado (das 9hs as até 12horas).

SETTE CURSOS (83)9114-3000/8616-2991/8153-9869